Instituto de Investigação em Arte, Design e Sociedade

O i2ADS é uma Unidade de Investigação em Arte e Design sediada na Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto (FBAUP). É membro institucional da SAR – Society of Artistic Research e co-organizador da NW29 na EERA – European Educational Research Association. Foi reconhecido com Muito Bom pela avaliação internacional da FCT de 2018.

Nas últimas duas décadas, a Investigação Artística tornou-se um pilar do conhecimento nas Instituições de Ensino Superior, incluindo a investigação orientada e baseada na prática em arte e design. Nos ecossistemas de investigação, a investigação artística é cada vez mais solicitada para permitir a investigação inter e transdisciplinar para abordar desafios societais prementes de forma colaborativa.

Consciente da importância da investigação e educação artística em contextos transdisciplinares, a missão do I2ADS é promover a investigação no domínio da arte e do design para enfrentar desafios educativos, culturais e sociais. O seu trabalho baseia-se numa cultura de investigação partilhada entre as Artes Plásticas, o Design e as Artes Performativas, intersectando perspetivas para atingir os seguintes objetivos:

  • Desenvolver novas formas de expressão artística e contribuir para a diversidade cultural;
  • Promover a investigação artística como uma abordagem cultural, social e cientificamente envolvida;
  • Reforçar o alcance e o impacto da investigação artística em contextos culturais, sociais e tecnológicos;
  • Apoiar as carreiras de investigação em arte e design.

Para atingir estes objetivos, a estrutura do i2ADS está organizada em torno dos seguintes programas de I&D:

  • Educação Artística, Crítica e Sociedade – fomentar leituras críticas e desafiar narrativas hegemónicas sobre práticas e políticas públicas na educação artística;
  • Prática Artística, Política e Envolvimento Social – capacitar a investigação artística envolvendo pessoas e comunidades para gerar narrativas de mudança, remover barreiras e promover o livre acesso aos recursos artísticos;
  • Produção Artística, Processos e Estudos Tecnológicos – promover o estudo das culturas materiais da arte e do design e desenvolver aplicações criativas e tecnológicas na produção artística e na performance;
  • Computação, Práticas Híbridas e Cultura – abordar os desafios das técnicas computacionais emergentes em investigação artística e ligar a mudança digital ao património tangível e intangível;
  • Desenho entre disciplinas – potenciar o desenho como um meio democrático para desafiar as restrições disciplinares em áreas divergentes do conhecimento na educação, arte e investigação;
  • Interculturalidade e Sociedade – promover a cooperação intercultural através de práticas artísticas e educativas transnacionais e decoloniais.

A capacidade do i2ADS para enfrentar a evolução dos desafios societais é reforçada por Grupos de Interesse Especial (GIS) autónomos na promoção de temáticas de investigação:

  • LABEA – Laboratório de Investigação em Educação Artística;
  • ID_CAI – coletivo de investigação-ação sobre cooperação intercultural entre os Países de Língua Portuguesa e a América Latina;
  • iLUDENS – Interfaces lúdicas e design especulativo;
  • PURE PRINT Archeology – revitalizar os conhecimentos tradicionais e melhorar os avanços tecnológicos no domínio da gravura.

Esta cultura de investigação interage com a academia, as políticas públicas, a sociedade civil e os sectores criativos através de projetos de I&D orientados para missões com financiamento competitivo, projetos-semente e programas artísticos experimentais através Research Catalogue e instituições culturais. O I2ADS enquadra dois doutoramentos na FBAUP – Educação Artística e Artes Plásticas – e o envolvimento de estudantes de doutoramento, mestrado e licenciatura através de bolsas de I&D. Uma linha editorial responsável por 3 revistas com revisão por pares e mais de 54 livros potencia a disseminação dos resultados.

A colaboração é dinamizada por 43 investigadores integrados das Faculdades de Belas Artes e Arquitetura (U.Porto) e da Escola Superior de Música e Artes do Espetáculo (ESMAE/P.Porto), 4 investigadores juniores, 58 bolsas de doutoramento FCT e 74 investigadores colaboradores de várias Instituições de Ensino Superior. Com esta equipa multidisciplinar em artes plásticas, artes performativas, desenho, design e educação artística, o i2ADS contribui para o desenvolvimento da prática e do ensino da arte e do design, o envolvimento social, criatividade digital, arqueologia medial e inovação tecnológica.

Pedidos de admissão

O i2ADS acolhe projetos de investigação e teses de doutoramento que se enquadrem nas suas áreas de investigação.

Os pedidos de admissão devem ser encaminhados para i2ads@fba.up.pt e dirigidos à Direção do i2ADS. Para mais informações, ver o Regulamento Interno do i2ADS.

 

 

Submissões e apoios

SUBMISSÃO DE PROPOSTA DE PROJETO
A submissão de proposta de projeto deve seguir o formulário de projeto. Depois da submissão, a proposta será analisada pelo Conselho Científico do i2ADS.


PEDIDO DE APOIO PARA EDIÇÃO DE PUBLICAÇÃO
Os pedidos de apoio para a edição de publicações devem seguir o formulário de apoio a edições e serem apresentados à Gestão Editorial, através do email editoriali2ads@fba.up.pt. Esta proposta é avaliada pela Direção do i2ADS na primeira fase, e aprovada pelo Conselho Científico do i2ADS na segunda fase.

A aprovação da edição será efetivada mediante dois pareceres de revisores externos.

A política editorial e os procedimentos de apoio a publicações estão descritas nas normas complementares da linha editorial do i2ADS.

PUBLICITAÇÃO DE APOIOS

Todas as ações e resultados de investigação enquadrados nas atividades de investigação e produção artística do i2ADS devem ser corretamente identificadas com o logótipo do Instituto, e estar de acordo com as normas de comunicaçãonormas de aplicação do logótipo.

Organização

O i2ADS é composto pelos seguintes órgãos:

Conselho Científico

Bruno Pereira (i2ADS/ESMAE-P.Porto)
Cat Martins (i2ADS/FBAUP)
Fernando José Pereira (i2ADS/FBAUP)
José Carlos de Paiva (i2ADS/FBAUP)
Manuela Bronze (i2ADS/ESMAE-P.Porto)
Mário Azevedo (i2ADS/ESMAE-P.Porto)
Mário Bismark (i2ADS/FBAUP)
Paulo Luís Almeida (i2ADS/FBAUP)
Pedro Amado (i2ADS/FBAUP)
Sílvia Simões (i2ADS/FBAUP)

Direção

Paulo Luís Almeida (Diretor)
José Carlos de Paiva
Manuela Bronze
Pedro Amado

Equipa de Gestão
Ana Rita Fonseca (Apoio administrativo)
Fabrício Fava (Investigador, Gestão de Plataformas Digitais)
Joana Carneiro (Design de Comunicação)
Margarida Dourado Dias (Investigadora, Gestão em Ciência e Tecnologia)

Conselho Consultivo
Ana Mae Barbosa (Professora Titular, Universidade de São Paulo)
Domènec Corbella Llobet (Artista, Professor Emeritus, Universidad de Barcelona)
John Baldacchino (Full Professor, University of Wisconsin-Madison)

Regulamento

A estrutura organizativa do i2ADS, dos seus órgãos de gestão e as tipologias, direitos e deveres dos seus investigadores estão descritos no Regulamento Interno do Instituto.

Relatórios de atividades

2022
2021
2020
2019
2018