Raquel Felgueiras

Faculty of Fine Arts of the University of Porto

phd student // FCT studentship

Licenciada em Pintura pela Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto. Em 2009 completou a Pós-graduação em Desenho pela Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa. Em 2012 termina o seu Mestrado em Cinema de Animação pela University of the West of England, Bristol. No âmbito do mestrado produziu a sua primeira curta metragem de animação ¿Branco¿, selecionada para diversos festivais internacionais, e que recebeu o prémio ¿Jovem Cineasta Português¿ no CINANIMA 2012. Foi artista investigadora com bolsa de investigação na Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto, no projecto internacional Cultural Encounters in Interventions Against Violence (CEINAV) no âmbito do qual desenvolveu um projeto de arte participativa com mulher e jovens vítimas de violência, e realizou a curta metragem de animação “Sendas”, premiada na categoria “Melhor curta metragem – Competição Avanca” no Festival Internacional de Cinema de Avanca 2016. Participou como artista investigadora com bolsa de investigação, no projeto Bystanders ¿ Developing Bystanders Responses to Sexual Harassment Among Young People. Na série 2′ Minutos para mudar de vida realizou o episódio Já tens idade para te preocupares com o cancro? que foi finalista na 1ª edição do “Health for all film festival 2020” da OMS, na categoria doenças não-transmissíveis. Tem participado em exposições com os seu trabalho artístico, que inclui desenho e vídeo/animação, em Portugal e no Reino Unido, tendo sido seleccionada para exposições em Londres, Bienal de Cerveira e colaborado com o grupo Anima Collective produzindo animações para os eventos musicais ao vivo (Londres). Atualmente é Doutoranda em Artes Plásticas na FBAUP com bolsa da Fundação para a Ciência e a Tecnologia.

 

Thesis title
Self-absorbed: the movement of folding into oneself

FCT reference
2020.08430.BD

Abstract
This project has its standpoint in the circular movement that closes in itself, defining the idea of Self-absorbed as the object of study. Starting from the premise that this movement of introspection seeks to preserve the interior space, the identity, the memories, guaranteeing a space of privacy for the Self, we can also identify it with a self-absorbed individualism, a consequence of fear, a requirement for the outbreak of crises and the creation of walls. The main objectives of this project are to reflect on the current characteristics of the Self-absorbed, to question the closure in itself as a primordial condition of solitude, to produce a visual reflection through drawing and animation on the movement of folding in itself. In terms of practice, it is foreseen: to carry out tests, drawings and animations, which bring to the sphere of the visible the idea of self-absorption in contemporaneity; to incorporate participatory art into research and individual artistic practice, as an inclusive process in society.

Supervision
Pedro Maia (supervisor) and Vitor Almeida (co-supervisor)

 

More info