Ilda de Sousa

Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto

estudante de doutoramento // bolseira FCT

Ilda Lima de Sousa (1992) é estudante do Programa Doutoral em Educação Artística da Universidade do Porto co- titulado com a Universidade de Lisboa; investigadora integrada, não doutorada, do i2ADS – Instituto de Investigação em Arte, Design e Sociedade da Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto; bolseira de doutoramento da Fundação para a Ciência e Tecnologia. Licenciada em Artes Visuais e Tecnologias Artísticas (2014), pela Escola Superior de Educação, Instituto Politécnico do Porto (ESE / IPP), com o “Relatório de Iniciação à prática profissional no Serviço Educativo da Fundação de Serralves “, e mestre em Ensino de Artes Visuais no 3.o Ciclo do Ensino Básico e do Ensino Secundário (2016) pela Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação (FPCEUP) e a Faculdade de Belas Artes (FBAUP) da Universidade do Porto, com o relatório “Escrita Habitada: Contemplar através da deambulação entre a escola e o museu”.

 

Título da tese
Educação artística contemporanea, numa relação educativa entre a FBAUP e a comunidade vizinha do 1ºciclo do ensino básico

Referência FCT
SFRH/BD/135887/2018

Resumo
O eixo de investigação que aqui se assume inscreve-se num processo em curso de construção duma prática relacional, estabelecida no exercício experimental realizado pelo Gabinete de Educação da FBAUP, e parte de uma preocupação que surgiu da minha participação, enquanto jovem investigadora, no projecto europeu CREARTE. Do diagnóstico aí realizado, percebe-se a necessidade de encontrar abordagens educativas regulares que propiciem o contacto dos professores e alunos com o contexto artístico contemporâneo, actualmente afastado da área curricular das Expressões Artísticas e Físico- Motoras, que ocupa um espaço secundário e mostra dificuldades na sua operacionalização. Problematizando este diagnóstico, o projecto procura desenhar, implementar e analisar uma prática relacional regular, traduzida num programa anual educativo, que propicie aos alunos do 1ºciclo das escolas das imediações da FBAUP o contacto com o contexto artístico contemporâneo, não como entidade absoluta, mas no que este permite despoletar na construção de si e duma visão crítica do mundo.

Orientação
Catarina Almeida

 

Mais info