Embankment #6

Cadernos de Curadoria, da autoria de Bruno Marchand, foi o único projeto convidado que cruzou transversalmente todo o calendário do Laboratório de Curadoria. Concetualmente ancorado no segundo momento da programação do Laboratório (#2 Documentação e Discurso, com projeto editorial de Pedro Nora), ocorre, no entanto e de forma parasitária, também durante o primeiro (#1 Cruzamentos e Encenações) e o terceiro (#3 Nomadismo e Disseminação).
Os Cadernos de Curadoria tomam a forma de jornais de distribuição gratuita e episódica cujos conteúdos são dedicados à exploração das convicções, dos princípios e das reflexões curatoriais de um conjunto diverso e alargado de agentes a trabalhar no âmbito do Laboratório de Curadoria e da programação de Arte e Arquitetura de Guimarães 2012 — Capital Europeia da Cultura. Partindo de uma entrevista centrada num projeto expositivo de relevo no percurso do curador visado, as sucessivas edições deste jornal procuram mapear o pensamento curatorial de alguns dos mais ativos intervenientes neste campo, contribuindo, de forma significativa, para o estabelecimento de um retrato da evolução dos diferentes modelos e paradigmas curatoriais que o contexto artístico português conheceu nas últimas décadas.

Ano 2013
Tipo Capítulo de Livro
Publicação Cadernos de Curadoria
Páginas 1-8
Editora Guimarães 2012 Capital Europeia da Cultura
Local Guimarães
Ed/Org Bruno Marchand, Pedro Faro,
Idioma Português
Link Ver Link