Arte site-specific, da génese do conceito ao seu contexto crítico na contemporaneidade

Sinopse / Synopsis

O texto procura apresentar, de forma necessariamente sintética, as motivações críticas e históricas do conceito da arte site-specific. Será dado um breve enquadramento da utilização do termo a partir de dois importantes textos “Sculpture in the Expanded Field” de Rosalind Krauss e “Redifining Site Specificity” de Douglas Crimp, procurando-se, de forma breve, formular algumas das suas recolocações no cenário do pensamento crítico contemporâneo, e deixando indicações das derivações que o tema sofreu e continua a sofrer na prática artística das últimas décadas.

(Publicação original em “Dicionário Crítico de Arte, Imagem, Linguagem e Cultura”, publicação digital interactiva do Centro de Estudos de comunicação e Linguagens /UNL, 2010, Museu do Côa em http://www.cecl.com.pt/pt/publicacoes/dicionario-critico)

 

The text tries to present, in a necessarily synthetic way, the critical and historical motivations of the concept of site-specific art. A brief history of the use of the term will be given, based on two important texts: “Sculpture in the Expanded Field” by Rosalind Krauss and “Redefining Site Specificity” by Douglas Crimp. We will seek to formulate, in a brief summary, some of its replacements in the context of contemporary critical thought, leaving indications on the derivations this theme has undergone and continues to undergo within artistic practice in the last decades.

Ano 2008
Tipo Artigo electrónico, Outro
Publicação Dicionário Crítico de Arte, Imagem, Linguagem e Cultura
Editora Centro de Estudos de comunicação e Linguagens(Museu do Côa