Acção/Investigação em Educação Artística: em busca de uma narrativa renovada, implicada na construção pertinaz de uma democracia agonística

resumo

“Nó e labirinto tornam-se assim a imagem estrutural do próprio saber: um saber aberto interdisciplinar, em movimento, sempre sujeito ao risco da perda de orientação.” CALABRESE (1987:151/2)

Nos tempos em que vivemos, na afirmação de uma pertença ao contemporâneo que vincula a implicação da produção (pensamento/acção) ao social, questiona-se a natureza do ímpeto de um professor/artista/investigador, ao se envolver na ‘investigação em educação artística’?
O artigo escreve-se no quadro assumido pelo autor, do sentido do político, intrínseco ao cultural, a partir do qual se questionam os fundamentos de onde emergem as práticas de acção/investigação. Nesse quadro percorrem-se as possibilidades de renovação das narrativas sobre ‘educação artística’ de modo a se explicitar a sua imprescindibilidade social na construção de sujeitos, determinadas a partir de cada um, face às confrontações sociais que lhes são relacionais, e a promover a experienciação de posturas partilhadas de afirmação crítica perante os valores hegemónicos, efectivando práticas agonísticas de desconstrução dos valores culturais e sociais dominantes e de explicitação de utopias.
A natureza particular do ‘artístico’ é tratada como essência marcante da ‘investigação em educação artística’, moldando-lhe o sentido e os processos, onde a utilização de matrizes usuais das ‘ciências humanas’, das ‘ciências da educação’, das ‘ciências da arte’, não lhes fornecem as possibilidades suficientes de produção de acção/pensamento. Procura-se, assim, entender a urgência da ampliação do debate existente para uma afirmação social de outros modos de investigação, para a utilização das linguagens que são próprias e naturais no terreno intersubjectivo e relacional onde se move a ‘educação artística’.

palavras-chave:
educação artística, arte, educação, acção/investigação, político

Ano 2012
Tipo Artigo em jornal sem revisão por pares
Publicação inVISIBILIDADES: Revista Ibero-Americana de Pesquisa em Educação, Cultura e Artes, 3
Páginas 162-171
Editora Associação de Professores de Expressão e Comunicação Visual (APECV)
Local Porto, Portugal
Ed/Org Teresa Eça & Ricardo Reis
ISBN / ISSN 1647-0508
Idioma Português
Link Ver Link