À Procura de Renovações de Estratégias e de Narrativas sobre Educação Artística – i2ADS

À Procura de Renovações de Estratégias e de Narrativas sobre Educação Artística

 

Nota de Abertura
Catarina S. Martins, i2ADS – FBAUP

‘Elogio da conversa’, ‘falar para o papel’, ‘em volta de’ e ‘em viagem’ são os quatro espaços que a seguir se apresentam. Todos eles são espaços labirínticos em torno da palavra, escrita, conversada, debatida, arriscada já depois do I Encontro Internacional sobre Educação Artística ocorrido em Cabo Verde em Setembro de 2010. Por essa altura, o grupo de participantes no Encontro que se aventurou a discutir, escreveu algumas linhas, poucas nalguns casos, um pouco mais, noutros. Tpdas elas se publicaram na plataforma online do EIEA (http://eiea.identidades.eu/eieahtml/arquivo/2010) e estiveram disponíveis antes do momento da discussão presencial.
Os textos aqui reunidos são, portanto, uma outra coisa. São já outras escritas, contaminadas pelo que aconteceu durante e após o encontro de Cabo Verde. Gostamos de vincar que não são as tradicionais actas de conferências porque o que nos interessa não é a formação de um arquivo do acontecido, mas antes registos dos movimentos acontecidos durante o Encontro e que se prolongaram para além dele.
Na primeira parte, ‘O elogio da conversa’, os leitores encontram os textos dos autores seguidos de um comentário que mereceu outro comentário antes de se fechar o ciclo. Este gesto procurava assentar na radicalidade do confronto de palavras escritas com outras palavras escritas. O processo permitiria, e nalguns casos permitiu mesmo, o deslocamento para outros lugares que não estavam inicialmente previstos no texto inicial. Em ‘falar para o papel’ trata-se, antes, de uma conversa mais solitária, de um diálogo que o texto estabelece consigo mesmo. A terceira parte constrói-se à conversa. ‘Em volta de’ estabelece-se como uma conversa tida com duas figuras que estiveram presentes no Encontro de Cabo Verde. Desnecessário será realizar a sua apresentação. Elas próprias o fazem naquilo que nos dizem: Ana Mae Barbosa e Elvira Leite. A deslocação é, por fim, o ponto de chegada do fim deste livro e, simultaneamente, o seu acontecimento ‘Em viagem’ por experiências educativas em África.
Não é por acaso que o lançamento do livro acontece no momento do II Encontro Internacional sobre Educação Artística. Queremos agora, num outro espaço, na cidade do Porto, voltar a lançar o desafio do encontro, dessa arte do encontro, como lhe chama Vítor Martins no texto de abertura deste livro, tão difícil e tão dificilmente conciliável com os já tradicionais formatos de conferências ou de encontros científicos internacionais. Mas é no interior dessa dificuldade, e sabendo que só aí se pode gerar transformação, que insistimos permanecer.

Editora GESTO Cooperativa Cultural, CRL
Local Porto
Ano 2012
Idioma Português, English
Tipo Livro