Entre a impressão e a desaparição: implicações conceptuais na mediação das superfícies

Entre a impressão e a desaparição : implicações conceptuais na mediação das superfícies / Joana Maria Fernandes Pereira. – Porto : FBAUP, 2009. – 2 vols. : il. ; 30 cm. – Contém caderno de anexos. – Dissertação de Mestrado em Desenho e Técnicas de Impressão, apresentada à Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, sob a orientação do Professora Doutora Graciela Machado . . –  Apresento um conjunto de reflexões e hipóteses de actuação centradas no tema desaparição, tratado como metáfora do que ocorre no domínio das técnicas de impressão e efeito de um fascínio pela impermanência e pelo que se julga insignificante. Debruço-me, inicialmente, sobre as formas mais elementares da Impressão, promovendo um retrocesso tecnológico ou impulso para o retorno às origens. O desenho/imagem é o resultado de um conjunto de procedimentos rudimentares. Depois, a matéria (convertida em pó), interferência escultórica transversal a todo o projecto. Ainda as coisas do dia-a-dia, incorporadas nos diferentes procedimentos técnicos seleccionados, com predilecção para a litografia, por permitir a articulação/diálogo com outras disciplinas: o desenho, a fotografia, a escultura. Por último uma muito breve experiência serigráfica: repetição e sequencialismo são alguns dos conceitos avivados. No final deste projecto persiste a imanência da degradação, da transformação da imagem, que resulta da fragilidade dos materiais empregues – delicadezas processuais. Somos, assim, inevitavelmente confrontados com a ameaça do desaparecimento

Autor(es)