Acções Invisíveis, Reacções individuais prerante intervenções no quotidiano urbano

As dinâmicas sociais surgem no espaço público no quadro do espaço urbanizado, naquilo a que se pode referir como um nível da estrutura da esfera pública. É a partir desta relevância que tais dinâmicas adquirem importância para se abordar no desenvolvimento do trabalho de projecto da autora, o qual consiste na intervenção no quotidiano através da colocação de elementos banais no espaço público.

A inserção de elementos plásticos com características banais na esfera pública, assim como a problematização das intervenções desencadeadas por parte dos transeuntes, não sendo pré-definidas nem os relacionando com as mesmas à priori, são elementos que dão corpo à investigação tanto teórica como prática que fundamenta este texto.

Baseando-se na prática artística desenvolvida, o trabalho foca preocupações e problemas surgidos durante todo o processo de investigação, sendo resultado de um questionamento artístico induzido na esfera de produção de factos quotidianos.