Limiting control in the creative process

Aula Aberta

Limiting control in the creative process

Com Thomas Apostolou

20 nov 2019, às 16h

Aula Magna, FBAUP

 

Sem dúvida, que a arte contemporânea ainda carrega algumas das sementes das vanguardas modernistas. A abertura do trabalho à imprevisibilidade é uma delas. As fontes dessa imprevisibilidade variaram e têm sido frequentemente estudadas nas suas diferentes iterações, na forma de aleatoriedade, acaso, caos, processos subconscientes, sistemas mecânicos, participação etc. A nossa pesquisa considera-as como forças diferentes num sistema unificado de tensão entre controle e imprevisibilidade no processo criativo. Apresentarei a estrutura básica deste novo ponto de vista, moldado a partir de pesquisas teóricas combinadas com dados empíricos da experimentação baseados na minha prática artística. Algumas das perguntas que abordaremos são: Quanto controle o artista tem no processo criativo? Quais as estratégias que os artistas usam para limitar seu controle? O que acontece com a obra de arte quando o controle é radicalmente reduzido?

Thomas Apostolou, born 1985 in Athens, studied Plastic Arts and Sciences of Arts in the University of Ioannina, obtained a Masters in Fine Arts from Camberwell College, University of the Arts London and is currently a doctorate student in the University of Vigo. He has always approached art as a systematic way of comprehending concepts such as chance, unpredictability, authorship and the absurd. Lately, he is interested in tracing the lowest limits of control in the creative process. His work has been exhibited in Austria, France, Greece, Ireland, Malta, Serbia, Spain, Sweden and the UK.

 

Organização

Doutoramento em Artes Plásticas (DAP)

i2ADS

Local Aula Magna, FBAUP
Data 20 de Novembro de 2019
PDF