#2 Leituras Feministas com Raquel Lima

Poesia, Raça e Género: Para uma escrita poética interseccional
#2 Leituras Feministas com Raquel Lima

28 maio 2020, 18h30

Zoom (mediante inscrição prévia)

Existem padrões poéticos que sustentam processos criativos e identitários em constante re-invenção e reescrita, numa procura de ruptura com o estável, fixo e inerte. Esses padrões são guiados em função da intensidade com que @ poeta interliga identidade, raça, sexo, sexualidade e papéis de género, posicionando-@, ou não, numa dimensão mutável – em constante redefinição.
Esta comunicação servirá para sugerir e analisar caminhos de escrita e interpretação da poesia, à luz da identidade de quem a escreve e interpreta, com o objectivo de identificar padrões contra a hegemonia de um discurso normativo, dentro e fora do corpo d@ poeta. Para abordar o tema, a comunicação centra-se nos poemas e experiências da autora, que levantará algumas questões sobre vulnerabilidade, transgressão, oratura, identidade(s), memória, entre outras.
Leituras Feministas é um grupo de estudo do i2ADS-FBAUP que cruza o fazer artístico e cultural com o debate em torno da visibilidade de práticas artísticas feministas, minoritárias e o impacto da recuperação dessas práticas na teoria e história da arte; a diferença sexual racial e de classe como impulsionador da prática e leitura da arte e cultura, leituras feministas e pós-coloniais; as práticas pessoais e políticas no campo expandido, arte, performance, e vida; e finalmente práticas de cuidado, responsabilidade e responsabilização.
_
Material de leitura e visualização prévia:

A participação é gratuita com inscrição obrigatória em https://forms.gle/tUY9ZK5nr8cLNyaSA



Raquel Lima é doutoranda do Programa Pós-Colonialismos e Cidadania Global do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra e Bolseira FCT. A sua investigação centra-se em oratura, escravatura e movimentos afrodiaspóricos. Licenciada em Estudos Artísticos, com especialização em Artes Performativas, na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (2008). Foi bolseira da 1ª edição do Programa INOV-ART, organizado pela Direcção Geral das Artes / Ministério da Cultura, no Rio de Janeiro, Brasil (2009) e bolseira Leonardo Da Vinci em Paris, França (2010). Publicou os seus poemas em diversas línguas e tem realizado performances e workshops em torno da poesia oral a nível nacional e internacional. Actualmente colabora com o projecto de investigação Post-Archive: Politics of Memory, Place and Identity da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Publicou, em Outubro de 2019, o seu primeiro livro e audiolivro de poemas intitulado Ingenuidade Inocência Ignorância, pelas editoras BOCA e Animal Sentimental.

Org: i2ADS/Carla Cruz
Apoio: U.Porto/Santander Universidades

Data 28 a 28 de Maio de 2020
Info Zoom